Saltar para o conteúdo principal Mapa do Website

Elas Também Estiveram Lá

Teatro

Sala de Visionamento do Edifício da Rank Filmes/Cinema São Jorge

Obter Direcções

13 — 21 Abr - 2018
Friday to saturday

Ver Sessões

13, 17, 18, 19 e 20 de abril – 21h
14, 15 e 21 de abril – 19h

Crédito: Espólio A. A. Costa

Sala de Visionamento do Edifício da Rank Filmes/Cinema São Jorge

Obter Direcções

13 — 21 Abr - 2018
Friday to saturday

Ver Sessões

13, 17, 18, 19 e 20 de abril – 21h
14, 15 e 21 de abril – 19h

Entrada livre limitada à lotação do espaço (21 PAX por sessão). Levantamento obrigatório de bilhete no dia do espetáculo, na bilheteira do Cinema São Jorge

Texto e direção: Joana Craveiro (artista residente do Teatro Viriato); Interpretação: Ainhoa Vidal, Inês Rosado, Joana Craveiro, Joana Margarida Lis, Tânia Guerreiro, Vera Bibi; Participação Especial: três mulheres com uma história singular; Figurinos: Ainhoa Vidal; Desenho de Luz: João Cachulo; Produção: Cláudia Teixeira; Assistência de Produção: Mafalda Rôla; Estagiários ESAD: Joana Margarida Lis, João Diogo Ferreira e Vera Bibi; Co-Produção: Teatro do Vestido e EGEAC (Cinema São Jorge e Programação em Espaço Público).O Teatro do Vestido é uma estrutura financiada pela República Portuguesa / Ministério da Cultura / Direção Geral das Artes

Classificação etária: a classificar pela CCE

Quotidianos de Resistência e de Revolução de Mulheres

Um percurso que começa na Avenida da Liberdade, atravessa uma porta, sobe um lance de escadas, e desemboca numa antiga sala de visionamento prévio, acompanhado por testemunhos de mulheres acerca da sua vivência durante a ditadura do Estado Novo, o dia 25 de abril de 1974 e o processo revolucionário que se lhe seguiu.

Arredadas da história, pelo menos das narrativas históricas dominantes, as mulheres portuguesas têm contudo muito a dizer sobre a repressão, a censura, o machismo e o sexismo vigentes ao longo do século XX, nomeadamente durante a ditadura portuguesa, onde o mote de ‘a cada um o seu lugar’ as relegava para lugares afastados da esfera pública, sujeitas ao domínio dos maridos, numa sociedade profundamente conservadora e patriarcal.

Mesmo dos relatos do dia 25 de abril, as mulheres também não constam, dominados que são por narrativas masculinas heroicas, militares e políticas. No processo revolucionário que ensaiou novas formas de organização e ação política, não sabemos onde estavam, ou em que livros de história se fixaram, mas vemo-las nas fotografias de manifestações, nos filmes e documentários da época. Quisemos ir resgatar essas vozes perdidas, anónimas, mas, não obstante, participantes em tudo isso e assim dar conta de uma multiplicidade de retratos da mulher portuguesa, que são também um espelho do presente, ou de como chegámos até aqui.

Construído para um emblemático espaço, e para a zona exterior circundante, esta é uma criação do Teatro do Vestido profundamente ancorada nas memórias da própria cidade, resgatando do esquecimento parte do nosso passado coletivo.

Outros Eventos

Famílias Há Festa no Jardim Jardim Mário Soares 10h-13h
Música Fausto Bordalo Dias Banda & Orquestra Música e Revolução Praça do Comércio, Portugal 21h30
Visitas Guiadas Peddy Paper “Pelos Caminhos da Memória de Abril” Lisboa, Portugal 11h10-12h30
15h-16h30
Conversas Vidas Prisionáveis com Isabel do Carmo Museu do Aljube Resistência e Liberdade, Rua Augusto Rosa 16h
Cinema Filme documentário “O Dia em que a Tortura Acabou” Museu do Aljube Resistência e Liberdade, Rua Augusto Rosa 19h
Conversas Ciclo de Conversas Abril e os Direitos LGBTI – SESSÃO ADIADA Vários locais Várias Sessões
Exposições Instalação Cravos como Balas Museu do Aljube Resistência e Liberdade, Rua Augusto Rosa
Conversas Festival Política (Dia 1) Cinema São Jorge, Avenida da Liberdade
Visitas Guiadas Passeio Lisboa de Bordalo Largo Rafael Bordalo Pinheiro Várias Sessões
Portas Abertas Praça do Município Várias Sessões
Conversas Festival Política (Dia 4) Cinema São Jorge, Avenida da Liberdade
Conversas Festival Política (Dia 3) Cinema São Jorge, Avenida da Liberdade
Ateliês Visita -Jogo Manguito como Gesto Filosófico Museu Bordalo Pinheiro, Campo Grande Várias Sessões
Famílias Bordalo vai Abrilar… no Jardim Mário Soares Jardim Mário Soares Várias Sessões
Crianças Como se faz uma revolução… Museu de Lisboa - Palácio Pimenta, Campo Grande 15h30
Conversas Festival Política (Dia 2) Cinema São Jorge, Avenida da Liberdade
Visitas Guiadas Visita Orientada ao Museu do Aljube Museu do Aljube Resistência e Liberdade, Rua Augusto Rosa 10h30
Conversas Ecotemporâneos Estufa Fria, Parque Eduardo VII Várias Sessões
Música Liberdade para dirigir Vários Locais Várias Sessões
Crianças Era uma vez Abril… Contos no Jardim Parque Oeste, Avenida Nuno Krus Abecassis 14h