Saltar para o conteúdo principal Mapa do Website

Begoña Olavide & Javier Bergia

Música

Centro Ismaili de Lisboa

Obter Direcções

15 Dez - 2018

16h, 21h30

Centro Ismaili de Lisboa

Obter Direcções

15 Dez - 2018

16h, 21h30

Entrada livre, sujeita à lotação do espaço (300 lugares) e mediante o levantamento de bilhetes a partir de 14 dezembro na receção do Centro Ismaili, das 16h às 19h00 e no dia 15 dezembro, das 14h00 às 21h00 (limite de 2 bilhetes por pessoa)
m/6

Avenida Lusíada, 1
Metro: Laranjeiras (Linha Azul)
Autocarro: 701, 726, 764

 

Apoio: Embaixada de Espanha em Lisboa

 

A música do programa apresentado no Centro Ismaili evoca o Al-Andalus, onde muçulmanos, judeus e cristãos coabitaram durante a Idade Média. Seguindo o rasto deixado por estas culturas, alguns dos temas chegaram aos nossos dias pela tradição oral e são-nos agora apresentados com novos arranjos instrumentais e uma nova conceção.

La Huella de Al-Andalus (Muçulmanos-Judeus-Cristãos)
LA NOVIA DESTRENZA EL PELO
(canção popular da tradição oral judaico-espanhola de Marrocos, que fala dos usos e costumes nupciais)
EL AMOR HA TALES MAÑAS (letra de Florencia Pinar – séc.XV e XVI – e música de Olavide & Bergia)
(conta-se que Florencia Pinar foi dama da corte da Rainha Isabel, a Católica, tendo participado em concursos literários e jogos florais)
DE LA NÛBA GHRÎBT L HSSÎN (tradição Al-Ándalus no Magreb) LEILUN ‘AYIB - IA SHADINA
(Canções da tradição oral do Al-Andalus, conservadas pelos muçulmanos de Marrocos, com ritmo btayhi de Nûba)
ESTABA LA NIÑA BLANCA Y LA ROSA ENFLORECE
(Romances populares, pertencentes ao cancioneiro sefardita, conservados pela tradição oral judaico-espanhola)
DE LA NÛBA ISBIHÂN (tradição Al-Ándalus no Magreb) JARCHAS
(poemas ditos, tradicionalmente, por mulheres onde aparecem palavras de origem árabe, latina e hebraica)
LA VIDA Y LA MUERTE – CALDERÓN DE LA BARCA (1600 – 1681)
(música: Olavide & Bergia; poema que exalta a brevidade da vida e a morte que chega a todos, nobres e vassalos)
RIFQAN – YÛL YÛL – AL-SHUSTARÎ DE GUADIX (1212-1269) (tradição Al-Ándalus no Magreb)
(canções de tradição oral do Al-Ándaluz conservadas pelos muçulmanos de Marrocos, com ritmo btayhi de Nûba‘Uššaq)
SI VERÍAS AL RATÓN
(canção popular de tradição judaico-espanhola da zona dos Balcãs, semelhante a uma canção infantil)
FOLÍAS Y COPLAS - DOÑA ISABEL DE VEGA (XVI)
(música: Olavide & Bergia; improvisações sobre o tema da Folia, dança muito popular na época do Renascimento e Barroco em Espanha, e coplas cantadas, na época, por Dona Isabel de Vega)

Ficha Técnica:
Begoña Olavide, canto e saltério medieval
Javier Bergia, canto, guitarra, darbuka e cantaro

Outros Eventos

Ateliês Sessões de meditação Cinema São Jorge, Sala 2 11h
Ainda em Dezembro Vários locais
Conversas Oriental X’MAS Comunidade Hindu de Portugal 19h
Visitas Guiadas Viagens no Império Museu de Lisboa - Teatro Romano 11h30
Música Fados de Natal Museu de Lisboa - Santo António 16h30 (dia 15)
17h (dia 22)
Música Coro das Nações Átrio de Chegadas, Aeroporto Humberto Delgado 19h
Música Orquestra Jovem de Cordas do Conservatório Nacional e ComPasso Igreja Alto do Lumiar 16h
Música Orquestra Clássica Metropolitana Teatro São Luiz 21h
Ateliês D. Gilberto vai à caça Museu de Lisboa - Santo António 1 dezembro, 11h30
15 e 22 dezembro, 15h30
Música Filomúsica Ensemble Igreja de Nossa Senhora do Amparo 21h30
Música Gospel Collective Igreja de Nossa Senhora dos Navegantes 21h30
Música Orquestra Orbis Igreja de São Roque 21h30
Visitas Guiadas Visitas guiadas Centro Ismaili de Lisboa 14h, 14h30, 15h